Michael Jackson volta a liderar venda de discos nos EUA

Los Angeles (EUA), 1 jul (EFE).- Michael Jackson voltou a liderar o ranking de vendas de discos e músicas nos Estados Unidos após sua morte, e clássicos como Thriller foram mais comprados na última semana que álbuns recém-lançados, segundo informou a revista Billboard hoje.

EFE |

No total, Michael vendeu 422 mil cópias de seus discos entre a segunda-feira passada e o domingo, e a maior parte foi distribuída desde sua morte, na quinta-feira passada.

O número das vendas conseguidas esta semana representou 40% mais que toda a comercialização acumulada de seus discos ao longo de 2009.

Além disso, mais de 2,3 milhões de canções de Jackson foram adquiridas diretamente através da internet nos Estados Unidos.

Já antigos, os trabalhos de Michael Jackson não puderam entrar nas listas de sucessos dos 200 discos mais vendidos nos EUA, já que é destinada a trabalhos que acabam de estrear. O ranking, então, é liderado pelo grupo Black Eyed Peas, com mais de 80 mil cópias de "The E.N.D.".

Os números do Black Eyed Peas ficam pequenos perante as 108 mil unidades distribuídas de "Number Ones" (2003), as 102 mil da compilação "The Essential Michael Jackson" (2005) e as 101 mil de "Thriller" (1982), títulos que lideraram a lista de clássicos mais vendidos da "Billboard".

Oito dos dez primeiros lugares dessa classificação foram ocupados por discos solo de Michael, enquanto os outros dois postos ficaram para "Ultimate Collection", dos Jackson Five. O Top 10 foi fechado pela reedição da trilha sonora do filme "Woodstock - Onde tudo começou", que teve oito mil unidades vendidas.

"Off the Wall" (1979), "Bad" (1987), "Dangerous" (1991), "HIStory - Volume 1" (1995) e "Michael Jackson: The Ultimate Collection" (2004) também recuperaram prestígio comercial.

Na semana anterior a sua morte, Michael Jackson tinha comercializado dez mil títulos de sua discografia.

Estima-se que durante toda sua carreira Michael Jackson tenha vendido mais de 750 milhões de discos no mundo todo. EFE fmx/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG