Morre quarta vítima de chacina chefiada por adolescente em BH

Em série de ataques, grupo armado disparou em três locais de bairro de BH contra quem estava na rua e colocou fogo em residência

AE |

selo

Mais uma pessoa vítima de ataques em série comandados por um adolescente em Belo Horizonte morreu na madrugada desta sexta-feira. Cláudio Daniel da Cruz, de 21 anos, estava internado no Hospital de Pronto-Socorro João 23 (HPS) com um ferimento a bala e cerca de 50% do corpo queimado desde sábado, mas não resistiu. Essa foi a quarta morte causada pelos ataques, que deixaram ainda 11 feridos

AE
Dependência da casa incendiada no último sábado, em Belo Horizonte
Segundo a Polícia Militar, a chacina foi comandada por um jovem de 17 anos, apreendido em Jaboticatubas, na região metropolitana de Belo Horizonte, na tarde de ontem. Ele teria feito os ataques com mais duas pessoas em represália pela morte de seu irmão, morto em meio a uma guerra de quadrilhas de traficantes de drogas. 

Cláudio Daniel foi baleado em uma casa no bairro Glória, na região nordeste da capital mineira, um dos três alvos dos suspeitos, que também incendiaram a residência. Além de Cruz, estavam no local outras quatro pessoas que ficaram feridas, incluindo uma menina de 2 anos que continua internada no HPS e corre risco de ficar paraplégica, pois foi vítima de um tiro que atingiu a coluna cervical. 

Ainda segundo a PM, o trio de suspeitos já havia disparado contra fregueses de uma lanchonete vizinha, onde balearam quatro pessoas. Após o ataque à residência, o grupo ainda atirou nos frequentadores de um bar próximo e matou Brainer Gomes Martins, de 19, Leandro de Castro Moraes, de 27, e Leonardo José de Souza. O adolescente que comandou os ataques, que foi apreendido pela 13ª vez em dois anos, está à disposição do Juizado da Infância e da Juventude.

    Leia tudo sobre: belo horizontechacina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG