Minas Gerais tem 116 cidades em emergência por conta das chuvas

No Estado, pelo menos 15 pessoas morreram em consequência das enchentes e deslizamentos

iG São Paulo |

A Defesa Civil de Minas Gerais informou nesta terça-feira que subiu para 116 o número de municípios em situação de emergência, por causa das chuvas, enchentes e deslizamentos que castigam o Estado. Outros 51 municípios também registraram prejuízos, mas não decretaram situação de emergência.

Calamidade pública: Governador Valadares decreta estado de calamidade pública
Museu fechado: Com acessos alagados, museu a céu aberto de Inhotim é fechado
Ouro Preto: "É um desastre de proporção bíblica", diz prefeito
Problema com data marcada: "Eles serão menores, mas nós teremos prejuízo"
No Rio, de novo:  Chega a 7 o números de cidades do Rio em situação de emergência

AE
Estrada que dá acesso à cidade de Ribeirão Vermelho, no sul de Minas Gerais, é bloqueada após o transbordamento do rio
Os municípios que dedrataram emergência nesta segunda-feira são Resplendor, Presidente Bernardes, Santana de Pirapama, São Francisco, Governador Valadares, Cachoeira da Prata, Eugenópolis, Piranga, Coração de Jesus e Santos Dumont.

O balanço da Defesa Civil mineira relaciona 15 pessoas mortas e três desaparecidas, além de 1.240 desabrigados e 12.875 desalojados. Ao todo, 2,251 milhões de pessoas foram afetadas de alguma forma pela situação emergencial no estado, que computa também 131 pontes destruídas e 148 danificadas.

Desabamento: Prédio interditado desaba em Belo Horizonte

Das 15 mortes registradas, três ocorreram nesta segunda-feira, em Além Paraíba. As outras 12 foram confirmadas em Reduto, Governador Valadares (3), Belo Horizonte, Visconde do Rio Branco, Ouro Preto (2), Guidoval (2), União de Minas e Guaraciaba.

O tempo continua instável no Estado, em virtude da atuação da Zona de Convergência do Atlântico Sul – ZCAS sobre o Norte, Centro-Oeste e Sudeste do País. Ainda há risco de acentuado volume de chuva, principalmente, nas regiões do Alto São Francisco, Noroeste e Triângulo Mineiro. Na Região Metropolitana de Belo Horizonte e em grande parte do Estado, o quadro de chuvas deve diminuir ao longo da semana.

Segundo a Defesa Civil, choveu até agora na capital mineira 265,9 mm, dos 296,3 mm esperados para o mês de janeiro. Portanto, já choveu 90% da média climatológica nestes 9 dias do mês de janeiro. A região da Pampulha foi a mais que choveu até o momento, 346,8 mm.

    Leia tudo sobre: chuvasminas geraisestado de emergência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG