Mãe é detida por suspeita de dopar filhos antes de sair de casa

Segundo PM, ao ser presa, mulher assumiu que tinha dopado as crianças. Depois, na delegacia, ela negou a acusação e foi liberada

AE |

selo

Uma mulher de 29 anos foi detida na noite desta domingo por dopar seus três filhos antes de sair de casa na cidade de Areado, em Minas Gerais. A polícia foi acionada após seu marido suspeitar do estado em que as crianças - de 4, 9, e 11 anos - se encontravam. 

Ele chegou em casa um pouco mais cedo que o habitual, por volta das 23h, e as crianças estavam sozinhas. Ao perguntar pela esposa, estranhou o comportamento dos três filhos. Logo depois, eles relataram que a mãe havia batido neles e os obrigado a ingerir Diazepam, um medicamento usado principalmente para tratar a ansiedade. 

Segundo a Polícia Militar (PM), a mulher foi encontrada na casa de um amigo, próximo à sua residência. Ela foi presa e, inicialmente, assumiu que tinha dopado as crianças. Depois, na delegacia, ela negou qualquer acusação e foi liberada. Ela responderá ao processo em liberdade. 

Hoje, as crianças seguiam em observação no hospital. Um laudo médico preliminar apontou que elas estavam com problemas de coordenação motora quando chegaram ao local. A confirmação sobre a ingestão do medicamento, porém, só será confirmada com um laudo médico mais detalhado que deve sair nos próximos dias. A polícia irá investigar o caso.

    Leia tudo sobre: dopartranquilizantemãe

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG