José Alencar vira estátua em cidade de Minas Gerais

Ex-vice-presidente ganhará uma escultura em bronze que será colocada no centro de Ubá, em frente à banda que gostava e apoiava

Denise Motta, iG Minas Gerais |

Divulgação
José Alencar
Em 10 dias, o artista plástico Wellington Fernandes termina uma escultura em bronze de José Alencar. A obra faz parte de uma homenagem ao político na cidade de Ubá, a 280 quilômetros de Belo Horizonte, onde Alencar teve negócios. A homenagem, com a inauguração da estátua, está prevista para o próximo mês. A obra é inspirada em uma foto de 2002.

“Ele está com uma expressão mais jovem, com um olhar profundo, uma expressão suave, um leve sorriso. Ele tinha uma característica suave”, diz o artista, que conheceu pessoalmente o ex-vice-presidente. A estátua pesa 180 quilos e tem 1,78 m de altura, a mesma de Alencar.

Dois filhos de Alencar, Josué e Patrícia, nasceram na cidade, o que levou o ex-vice-presidente a ter afeição especial por Ubá. No dia 29 de janeiro deste ano, em visita à cidade, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse ter muito carinho pela cidade porque filhos de Alencar nasceram lá. Alencar e Lula foram condecorados com a medalha Ari Barroso, honraria criada por ocasião do centenário de nascimento do compositor ubaense, em 2003.

O prefeito de Ubá, Vadinho Baião (PT), conta que a estátua de Alencar será colocada na rua 22 de Maio, no centro de Ubá, em frente à sede da Corporação Musical e Cultural 22 de Maio, fundada em 22 de maio de 1898. Patrono da corporação, Alencar defendia o tradicional grupo de músicos.

“Como vice-presidente, ele se empenhou e conseguiu recursos para reformas da sede. Ele tinha um carinho especial pela Banda 22 de Maio”, lembra o prefeito. A Corporação Musical e Cultural 22 de Maio foi tombada como patrimônio imaterial de Ubá em 2008, afirmou ainda o prefeito. O convênio da prefeitura com o Ministério da Cultura, para reforma da sede, foi assinado em julho do ano passado.

O prefeito disse que Bárbara, filha mais velha de Josué, neta de Alencar nascida nos Estados Unidos, foi registrada em Ubá, a pedido do ex-vice-presidente.

“Decretei luto oficial de três dias. Alencar sempre se preocupou com a cidade. Em 2007 conseguiu reduzir o IPI das indústrias moveleiras, de 10% para 5%, o que nos permitiu ter mais competitividade. Alencar tinha uma paixão especial pela cidade”, completou o prefeito.

    Leia tudo sobre: José AlencarMinas GeraisUbá

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG