Corpos de estudantes mortos em pousada são enterrados nesta sexta

Casal foi encontrado morto em pousada em Brumadinho, na Grande Belo Horizonte, sem nenhum sinal de violência

Denise Motta, iG Minas Gerais |

Os corpos dos jovens universitários encontrados mortos em uma pousada de luxo na Região Metropolitana de Belo Horizonte serão enterrados no final da tarde desta sexta-feira. O corpo de Alessandra Paolinelli Barros, 22 anos, estudante de Medicina, está sendo velado na Igreja Matriz de Carmópolis de Minas, cidade a 107 quilômetros de Belo Horizonte. O enterro está marcado para 17 horas, no cemitério local.

Arquivo Pessoal
Os namorados Alessandra Paolinelli Barros e Gustavo Lage Caldeira Ribeiro, em foto publicada na página dele no Facebook
O corpo do estudante de Engenharia Gustavo Lage Caldeira Ribeiro, de 23 anos, está sendo velado no Cemitério Bonfim, na região Noroeste de Belo Horizonte. O enterro será às 17 horas.

Alessandra e Gustavo teriam ido à pousada Estalagem do Mirante, na cidade de Brumadinho, a 50 quilômetros da capital, para comemorar um ano de namoro. O pai da jovem denunciou o desaparecimento à polícia na última terça-feira. Os dois foram encontrados sem sinais de violência no quarto de um chalé da pousada. As janelas e portas estavam trancadas.

O chefe da Delegacia de Homicídios de Belo Horizonte, Wagner Pinto, irá designar um delegado para cuidar do caso, informou hoje a Polícia Civil. O quarto da pousada foi periciado e os corpos dos estudantes passaram por necropsia. Os laudos ficam prontos entre 15 e 30 dias.

Inicialmente, a polícia suspeitou de envenenamento, mas ela alega ser necessário aguardar os resultados de exames para conclusões mais precisas.

Ninguém da Pousada Estalagem do Mirante se manifestou sobre o caso. Um pacote para passar o final de semana no local varia de R$ 640 a R$ 1.480.

    Leia tudo sobre: minas geraismorteestudantes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG