Tempestade na capital mineira deixou rastro de destruição. Veja fotos e relatos dos moradores

As chuvas em Belo Horizonte e na região metropolitana da capital mineira deixaram um rastro de destruição nesta quinta-feira (15). Conforme informações da assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros, houve 22 ocorrências registradas de desabamentos e de riscos de desabamentos, oito referentes a inundações e cinco a deslizamentos, além de 26 quedas de árvores.

Problema com data marcada: "Eles serão menores, mas nós teremos prejuízo"

Previsão do tempo: Chuva em BH deve continuar nos próximos dias

Serviço: Antes de sair de casa ou do trabalho, veja como está o trânsito em BH

Chuva abre fenda em rua de BH e deixa prédio em risco de desabamento
AE
Chuva abre fenda em rua de BH e deixa prédio em risco de desabamento
Apenas na região da Pampulha, tradicional bairro da capital, houve registros de 10 desabamentos. No bairro Prado, região oeste de Belo Horizonte, um muro desabou sobre uma pessoa, que foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Na região norte da capital, houve inundação e pessoas ficaram ilhadas próximas à estação de metrô do bairro São Gabriel. Perto de um shopping na mesma região, houve um desmoronamento que atingiu um barracão, mas ninguém ficou ferido.

Na cidade de Ribeirão das Neves, na Grande Belo Horizonte, a queda de um muro impediu a saída de moradores de suas casas, inundadas, mas o número de feridos e desalojados ainda está sendo contabilizado. Uma idosa e uma criança de 12 anos foram resgatadas sem ferimentos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.