Australiano morre após decolagem de asa delta em Minas Gerais

Campeonato de voo livre foi interrompido após acidente; Associação Brasileira de Voo Livre diz que ele era um piloto experiente

Denise Motta, iG Minas Gerais |

Divulgação
Percurso da prova em Carmo do Rio Claro
Um australiano de 44 anos morreu no começo da tarde desta quinta-feira (05) logo depois de decolar de asa delta em uma competição nacional. Conforme informações do tenente Domingos Mendonça, da Polícia Militar de Carmo do Rio Claro, cidade onde ocorreu o acidente, David Seib Charles perdeu o controle do equipamento de voo logo após o salto. A prova consistia em um percurso de 92 quilômetros.

“A asa retornou e o arremessou contra as pedras da serra. Ele foi socorrido e levado para o hospital, mas não resistiu. Não é comum acidentes nesta região. Sempre há competições. No ano passado mesmo teve competição e não houve acidentes”, contou o tenente. Carmo do Rio Claro, local do acidente, fica a 350 quilômetros de Belo Horizonte.

No Rio: Acidente com parapente: instrutor é indiciado por homicídio culposo

Jovem que morreu em queda de parapente pretendia voar de asa delta

O vice-presidente da Associação Brasileira de Voo Livre (ABVL), Haroldo Castro Neves, informou ao iG que as condições do tempo estavam boas e que os familiares de David já foram avisados do acidente. É possível que um irmão de David venha para o Brasil cuidar do traslado do corpo com auxílio da Embaixada da Austrália.

“Ele era um piloto muito experiente, trabalhava na empresa Moyes Gliders, fabricante de asa delta. Pode ter havido uma falha na decolagem. Este esporte é de alto risco e geralmente os acidentes são fatais”, afirmou também Haroldo Castro Neves.

David participava de uma etapa do Campeonato Brasileiro de Voo Livre, na região conhecida como Serra da Tormenta. De acordo com a Polícia Militar de Minas, o local é de difícil acesso e apenas competidores presenciaram o momento do acidente. Após o ocorrido os pilotos competidores encerraram as provas. Na noite de hoje deve ser definido se a competição continua ou será definitivamente interrompida.

A Polícia Militar de Minas não tinha informações sobre o traslado do corpo do australiano e o Corpo de Bombeiros ainda estava encerrando a ocorrência no começo da noite desta quinta e por enquanto não forneceu detalhes sobre o caso. Conforme informações do vice-presidente da ABVL, o corpo do australiano passa por autópsia no Instituto Médico Legal (IML) da cidade de Passos, a 76 quilômetros de Carmo do Rio Claro.

Divulgação
Piloto de asa delta durante prova desta quarta-feira

    Leia tudo sobre: asa deltaacidentevoo livre

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG