Anastasia se esquiva de comentar indicação de tucano de Mato Grosso

Wilson Santos foi indicado por estatal do governo de Minas para trabalhar em empresa no Rio de Janeiro. Ele apoia Aécio para 2014

Denise Motta, iG Minas Gerais |

Divulgação/Governo de Minas Gerais
Antonio Anastasia, governador de Minas, toma café nesta terça após evento na capital do Estado, Belo Horizonte
O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB), afirmou na manhã desta terça-feira (05) que o ex-prefeito de Cuiabá Wilson Santos (PSDB) foi indicado pela sua “capacidade e conhecimento” para ser conselheiro da Transmissora Aliança de Energia Elétrica (Taesa), empresa energética do Rio de Janeiro controlada majoritariamente pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). 

Leia também: Tucano de Mato Grosso ganha cargo de estatal de Minas para trabalhar no Rio

Questionado sobre o motivo pelo qual Santos ganhou o cargo, durante o Fórum da Cadeia Produtiva do Café, Anastasia se limitou a dizer: “Por sua capacidade e conhecimento”. Depois, encerrou a entrevista.

Abordado novamente por jornalistas, Anastasia respondeu a mais uma pergunta, ao ser informado que se tratava de questão sobre café. Formado em Direito, Santos concorreu ao governo do Mato Grosso no ano passado e perdeu a disputa. O salário de conselheiro gira em torno de R$ 9 mil.

No Palácio Tiradentes, sede do governo mineiro, informações de bastidores dão conta de que Anastasia anda visivelmente irritado com o assunto. Santos é o segundo tucano de fora de Minas indicado para um conselho ligado à Cemig. O ex-senador Papaléo Paes , médico filiado ao PSDB do Amapá, recentemente foi nomeado conselheiro da Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig). Papaléo perdeu a disputa ao Senado no ano passado.

Em entrevista recente ao iG , Wilson Santos rasgou elogios ao senador Aécio Neves (PSDB-MG), ex-governador de Minas Gerais e padrinho político do governador Anastasia.

“Quando se fala em Aécio a gente até arrepia. O Aécio empolga. A fila anda e já andou para o José Serra. Tudo tem seu tempo. Isso é bíblico. Chegou a vez do Aécio, e não é só porque ele é simpático, carismático, jovem e inteligente. Chegou a vez dele porque ele é preparado e qualificado. Só tem uma pessoa no PSDB para derrotar o PT e chama-se Aécio Neves”, disse Santos ao iG .

    Leia tudo sobre: aécio neveswilson santoscemigantonio anastasia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG