Localização dos corpos dos gêmeos de apenas dois meses foi feita por empresário mineiro, principal suspeito pelas mortes

Os dois gêmeos que desapareceram em Uberaba, Minas Gerais, após a morte da mãe foram encontrados mortos a tiros em Buritizal, interior de São Paulo. A localização dos corpos de Ana Flavia e Lucas, de apenas dois meses, foi mostrada por um empresário mineiro que se entregou à polícia e é suspeito dos crimes.

2014:  Delegada de cidade baiana é exonerada após revolta popular por morte de bebê

Corpo de Izabella Gianvechio foi encontrado em São Paulo, assim como o de seus filhos gêmeos
Reprodução/Facebook
Corpo de Izabella Gianvechio foi encontrado em São Paulo, assim como o de seus filhos gêmeos

2011: Cremesp e MP apuram morte de bebês no interior de São Paulo

A dupla desapareceu na última quinta-feira (12), mesmo dia que a mãe, Izabella Gianvechio, 22, foi encontrada morta em Aramina (SP). A Polícia Civil afirma que a mulher e os filhos foram vistos pela última vez no Triângulo Mineiro de carro com o suposto pai biológico das crianças.

Segundo o delegado regional da Polícia Civil em Uberaba, Francisco Eduardo Gouveia Mota, o possível pai dos bebês, de 48 anos, se apresentou a polícia na terça-feira (17), mas negou o homicídio, atribuindo-o a um homem de 37 anos que já foi identificado.

Morte 

Após ter sido ouvido pelos policiais, o homem levou os agentes a uma estrada de terra em Buritizal onde as vítimas foram encontradas. Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Igarapava (SP).

A polícia apreendeu ainda um revólver que provavelmente foi a arma utilizada no crime. Segundo ele, as crianças foram mortas pouco depois de a mãe ter sido assassinada e deixada perto de Aramina.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.