Chuvas deixam 73 cidades em estado de emergência em Minas Gerais

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Desde outubro, ao menos 22 pessoas morreram e 196 ficaram feridas por conta das tempestades. Quase 10 mil casas foram danificadas e mais de 570 foram destruídas

Agência Estado

Devido às chuvas que atingem o Estado, 73 cidades de Minas Gerais decretaram situação de emergência até este domingo (5). Os municípios de Sardoá e Virgolândia estão em estado de calamidade pública desde a metade de dezembro. No total, 32 mil pessoas ficaram desalojadas e cerca de 17 mil seguem desabrigadas.

Conheça a home do Último Segundo

Desde outubro, ao menos 22 pessoas morreram em decorrência das tempestades e outras 196 ficaram feridas. Quase 10 mil casas foram danificadas e mais de 570 foram destruídas.

Leia também:

Em 12 horas, BH registra chuva esperada para dez dias de dezembro

BH escala 'olheiros' para alertar sobre enchentes na temporada de chuvas

Espírito Santo decreta situação de emergência por causa das chuvas

Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o dia será de sol com poucas nuvens no norte do Estado, com pancadas de chuva à tarde no sul e no sudeste. Em Belo Horizonte, a probabilidade de chuva não passa de 5%.

Leia tudo sobre: minas geraisbrasilchuvas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas