Prostitutas brasileiras se preparam para a Copa com aulas de inglês em BH

Por AP |

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo presidente de grupo, medida irá ajudar as prostitutas a explicar o que elas cobram e a entender do que os clientes gostam. Aulas de francês e italianos devem ser as próximas

AP

Prostitutas em uma das maiores cidades do Brasil começaram a se inscrever em ter aulas gratuitas de inglês antes da Copa das Confederações de 2013 e da Copa do Mundo de 2014. Cida Vieira, presidente da Associação das Prostitutas da cidade de Belo Horizonte, confirmou que 20 mulheres já se inscreveram para os cursos e ela espera que pelo menos 300 das 4.000 membros do grupo sigam o exemplo. A associação está organizando as aulas e buscando professores voluntários.

Leia também: Polícia interdita duas casas de prostituição de luxo na zona sul do Rio

Reprodução
Prostitutas de Belo Horizonte farão curso de inglês

"Eu não acho que teremos problemas em convencer professores de inglês a prestar serviços de graça", disse ela. "Nós já temos psicólogos voluntários e vários médicos nos ajudando."

Ela disse que as aulas devem começar em março e durar cerca de oito meses.

"Vai ser importante para as meninas essa capacidade de usar o inglês para que os seus clientes saibam o que estão sendo cobrados e para entenderem do que eles gostam", disse Vieira.

"E pelas mesmas razões também estamos pensando em oferecer aulas gratuitas de francês e italiano", acrescentou. 

O estádio do Mineirão em Belo Horizonte irá sediar três partidas da Copa das Confederações e seis jogos da Copa do Mundo.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas