Paralisação seria possível por falta de avanços nas negociações salariais

Os metroviários podem fazer paralisação de 24 horas na terça-feira, por conta da falta de avanço nas negociações salariais com a empresa, segundo o Sindicato dos Metroviários de São Paulo. Uma nova assembleia está marcada para segunda-feira para avaliar a campanha e organizar a possível paralisação.

A decisão em manter a greve foi tomada anteontem em assembleia da categoria, que aguardava uma nova proposta da empresa. Segundo o sindicato, não houve formalização de nenhuma melhoria com relação à proposta feita pelo Metrô no dia 18.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.