Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Metade dos prefeitos não tem curso superior

Pesquisa sobre Perfil dos Municípios aponta ainda que quase metade dos prefeitos tinha sido reeleita

Matheus Pichonelli, iG São Paulo |

Homens, entre 41 e 60 anos, filiados ao PMDB, e com ensino superior completo são os perfis mais comuns entre os 5.565 prefeitos em exercício durante a pesquisa. Em todo o País, no entanto, 52,5% dos prefeitos não cursaram uma faculdade. Os dados fazem parte da pesquisa Perfil dos Municípios Brasileiros – Gestão 2009 (Munic), divulgada nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Arte/iG
Metade dos prefeitos não tem curso superior
Mostra do despreparo da burocracia municipal é o número de gestores em Saúde com formação na área: apenas 9,5% deles eram médicos e 14,2%, enfermeiros. Pelo País ainda existem secretários da Saúde, em 4,7% dos municípios, que não possuem ensino médio completo e 1% não terminaram o ensino fundamental. 

Já o número de mulheres administrando os municípios aumentou. Pouco, mas aumentou: de 8,1% do total em 2005 (último dado) para 9,2%. A pesquisa destaca que o crescimento ainda é lento, apesar de mais da metade da população brasileira ser constituída por mulheres.

Vale destacar, porém, que o aumento ocorreu principalmente na Região Nordeste, que concentra o maior percentual de prefeitas: 51,2% do total. Em seguida vem o Sudeste, com 24%.

Arte/iG
PMDB tem o maior número de prefeitos
Mais servidores municipais

A pesquisa mostrou ainda que a gestão municipal tem 5,7 milhões de pessoas trabalhando como servidores, número 9,7% superior ao último levantamento – e ganhou uma nova vitrine: a internet, meio pelo qual 60% das prefeituras mantém suas páginas virtuais. 

Segundo o levantamento, mais da metade (53,3%) dos municípios tinham realizado concurso público nos 24 meses anteriores à pesquisa. A maioria desses editais (84,4%) previa vagas para pessoas com deficiência. Entretanto, em 2.954 cidades (mais da metade delas) o prédio da prefeitura não possuía itens de acessibilidade ao local, como rampas, rebaixamento de calçadas, sanitários e cabines telefônicas especiais. 

Na estrutura da administração, a maioria (62,2%) dos 5,7 milhões de servidores é formada por estatutários, enquanto outros 16,8% não tinham vínculo permanente. Em 2009, 2,1% dos trabalhadores municipais eram estagiários. Hoje, 99,9% dos municípios possuem computadores na administração direta, quase a totalidade com acesso à internet, responsável pelo atendimento à distância dos municípios em 77,1% das cidades. 

Arte/iG
Contingente de servidores municipais cresce 9,7% entre 2008 e 2009

Incentivos fiscais 

Mecanismos de incentivos à implantação de empreendimentos foram adotados, em 2009, por 3.134 (56,3%) dos municípios. Principalmente nas cidades do Sul e Sudeste do País. A pesquisa mostrou que 23,5% das prefeituras rejeitaram projetos que poderiam trazer algum prejuízo ao meio ambiente.


 

Leia tudo sobre: Perfil dos MunicípiosIBGE

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG