Metade dos casos de raiva animal em SP vem de morcegos, diz governo

O Estado de São Paulo registrou de 2005 a 2008, nos 645 municípios paulistas, 674 casos de raiva em animais, sendo 49,6% - ou 335 dos casos - em morcegos. Outras 266 (39,4%) ocorrências foram verificadas em bovinos, 65 (9,6%) em equinos e 5 (0,74%) em suínos.

Agência Estado |

Ainda entrou na contagem um caso de raiva em cabra e outro em búfalo. No ano de 2006, foi registrado o último caso de raiva animal em um cão, com vírus de morcego. Os dados são da Secretaria de Saúde de São Paulo. Neste ano, de janeiro a julho, o Estado registrou 113 casos de raiva animal, sendo 78 em morcegos, 51 em bovinos e 4 em equinos. Não há casos de raiva humana em São Paulo desde 2001.

De acordo com a diretora do Instituto Pasteur, Neide Takaoka, a pesquisa mostra que os municípios têm feito um bom trabalho na detecção de casos positivos em morcegos, o que é fundamental para que as cidades consigam controlar a doença. Ela lembra que é importante que a população vacine cães e gatos contra a raiva, com o objetivo de protegê-los no caso de caçarem morcegos infectados.

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG