Mesmo sem verba, Museu Afro Brasil deve reabrir hoje

O Museu Afro Brasil, no Parque do Ibirapuera, zona sul de São Paulo, fechado desde sábado por problemas financeiros, será reaberto hoje, segundo a diretoria da instituição. “Chegou um momento em que a situação ficou insustentável e tivemos de fechar.

Agência Estado |

Vamos reabrir para não repassar à sociedade um problema interno da instituição”, disse Emanoel Araújo, diretor e curador do museu. A instituição acumula dívidas de cerca de R$ 200 mil e não paga funcionários há dois meses.

Mesmo trabalhando praticamente sem recursos, a diretoria do museu afirma que os agendamentos de visitas escolares, principal público em dias da semana, já recomeçou. Segundo Araújo, o museu estará aberto em horário normal de funcionamento, de terça a domingo, das 10 horas às 17 horas. “Nos manteremos abertos, mas nossa situação só começa a ser regularizada quando os recursos do governo do Estado forem repassados”, disse Araújo.

Na terça-feira, a Associação Museu Afro Brasil, que administra a instituição, assinou convênio com o governo do Estado - até 2012, R$ 28,3 milhões serão destinados para o museu. Cerca de R$ 4 milhões devem ser repassados em 2009, provavelmente a partir da semana que vem, para sanar os principais problemas. Até aqui, o Museu era mantido com recursos da Prefeitura da capital paulista - cerca de R$ 1,8 milhão por ano - e de patrocínio de empresas privadas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG