Mensalão: testemunhas depõem nesta semana

As testemunhas de defesa que residem fora da capital de São Paulo no processo que investiga o esquema de suposta venda de votos no Congresso Nacional, conhecido como mensalão, começam a ser ouvidas pela Justiça Federal a partir de amanhã. De acordo com a Justiça Federal, a primeira testemunha a ser ouvida será Cilene da Silva Antoniolli, chamada pela defesa do ex-ministro da Casa Civil e deputado cassado José Dirceu.

Agência Estado |

Além de Cilene, que deverá prestar depoimento na Justiça Federal em Santo André, deverão serão ouvidas também na cidade, na terça-feira, as testemunhas José Nilson dos Santos e José Carlos Nagot, que falam em defesa de Luiz Carlos da Silva, o professor Luizinho. De acordo com informações da Justiça Federal, estão previstas também oitivas em Guarulhos, São José dos Campos, Guaratinguetá, Campinas, Assis, Sorocaba e Santos.

Já os depoimentos das testemunhas de defesa do caso mensalão residentes na capital paulista terminaram na sexta-feira. A Justiça Federal informa que em duas semanas foram ouvidas 60 pessoas, dentre elas o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. O processo do mensalão tramita no Supremo Tribunal Federal (STF) e as audiências ocorrem a portas fechadas.

    Leia tudo sobre: mensalão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG