Menores são feitos reféns em delegacia em Porto Seguro

PORTO SEGURO - Quatro adolescentes são mantidos reféns, desde as 17h desta segunda-feira, por cerca de 125 detentos no Complexo Prisional Policial da cidade de Porto Seguro, a 700 quilômetros de Salvador. O local está cercado por policiais militares e agentes da Polícia Civil.

Redação com Agência Estado |

Armados com estiletes artesanais, os presos exigem transferência para outras unidades. Eles ocupam um espaço que comporta, no máximo, 40 pessoas. Muitos detentos do complexo já foram julgados e deveriam estar presos em penitenciárias. Outros já cumpriram a pena.

Segundo as primeiras informações, os rebelados já teriam destruído sete celas da carceragem. Até o momento, as negociações são conduzidas pelo coordenador da Polícia Civil na região, Evy Paternostro. No entanto, de acordo com a polícia, os presos pediram a presença da juíza Nemora Lima Janssen, da Vara Criminal de Porto Seguro, que já está no local, reunida com representantes do Ministério Público e da polícia.

Do lado de fora da delegacia, o clima é tenso entre familiares de presos e policiais militares, que estão de prontidão para uma possível invasão da unidade.

    Leia tudo sobre: rebelião

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG