Menino morre em explosão de depósito de pólvora na Bahia

SALVADOR - Edson Teixeira da Silva, de 6 anos, morreu no sábado no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, depois de sofrer queimaduras de terceiro grau causadas por fogos de artifício.

Agência Estado |

O menino brincava em um depósito ilegal de fogos nos fundos de sua casa, em Cruz das Almas, a 146 quilômetros a oeste da capital baiana, quando foi vítima de uma explosão.

O acidente ocorreu no último dia 16, mas a família não havia prestado queixa até hoje. A delegacia da cidade investiga o caso.

Ao todo, 31 pessoas já foram internadas até hoje em Cruz das Almas com queimaduras causadas por fogos de artifício - muito comuns na cidade nesta época do ano. Sete delas, sendo seis crianças, feridas com maior gravidade, foram transferidas para o HGE. Apenas uma das vítimas, uma menina de 7 anos, continua internada, mas não corre risco de morte.

Os festejos de São João, quando ocorre a tradicional guerra de espadas (um artefato feito com bambu e pólvora) no município, costumam deixar um grande número de queimados na cidade. No ano passado foram 305. Por causa da grande quantidade de acidentes, o governo inaugurou hoje uma unidade avançada do HGE. Montada no Hospital Municipal de Cruz das Almas, a unidade conta com 18 leitos, cinco deles pediátricos.

    Leia tudo sobre: explosão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG