Um menino com quatro anos de idade foi recolhido depois de abandonado com ferimento de oito centímetros no pescoço, em um supermercado de Três Lagoas, Mato Grosso do Sul.

A criança contou na Delegacia de Pronto Atendimento a Comunidade que a mãe, cujo nome está sendo mantido em sigilo pela polícia, entregou-o aos cuidados do pai e foi passar o carnaval no Paraná.

Débora Kelly Reis, 29 anos, funcionária do estabelecimento no Jardim Brasília, disse que um homem, dirigindo um carro "modelo Belina" deixou o menino ferido no local e pediu para que chamassem socorro médico.

Segundo ela, o garoto falou claramente ter sido agredido pelo pai, que teria dado uma facada em seu pescoço. A criança foi internada no Hospital Auxiliadora de Três Lagoas e está fora de perigo.

De acordo com a Polícia Civil, o pai, Rômulo Aldo Batista Damasceno, 42 anos, está inconformado com a separação, ocorrida há 60 dias. Durante esse período, ele vem ameaçando a mulher através de mensagens via celular e chegou a ser preso com um revólver, após denúncias feita por ela. Damasceno foi indiciado por tentativa de homicídio doloso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.