Menina de 9 meses morre vítima de agressões em SP

Encaminhada pela própria mãe e pelo padrasto, uma menina de 9 meses de idade deu entrada hoje no Pronto Atendimento Paraíso, em Guarulhos, na Grande São Paulo, já morta. Os funcionários do pronto-socorro, ao verem o estado da menina, que apresentava queimaduras pelo corpo, arranhões e hematomas, entre outros ferimentos, acionaram a Polícia Militar (PM).

Agência Estado |

Os agentes do 31º Batalhão levaram a mãe e o padrasto para o 7º Distrito Policial (DP) da cidade, onde a mulher afirmou ao delegado que havia recebido a filha naquelas condições das mãos de duas mulheres, com as quais a menina teria ficado duas noites.

As duas mulheres então foram localizadas pela polícia e, na delegacia, além de negar qualquer agressão contra a criança, afirmaram que a menina foi devolvida sem nenhum ferimento para a mãe na quarta-feira, quatro dias antes da mãe levar a criança para o hospital. Os quatro envolvidos na história estão sendo ouvidos pela polícia.

    Leia tudo sobre: criançacrimemortamortes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG