Mendes discutirá lei sobre grampos com senadores

O presidente do Senado, Garibaldi Alves (PMDB-RN), e os senadores Demóstenes Torres (DEM-GO) e Tião Viana (PT-AC) estarão hoje no Supremo Tribunal Federal (STF) para uma reunião com o presidente da Corte, Gilmar Mendes. O motivo do encontro é a discussão de proposta de uma legislação sobre escutas telefônicas e também a possibilidade de criação de um órgão de controle externo dos serviços de inteligência como a Agência Brasileira de Inteligência (Abin), que substituiu o antigo Serviço Nacional de Informações (SNI).

Agência Estado |

O controle externo dos serviços de inteligência é tema de um projeto de autoria de Demóstenes Torres. Mais cedo, Garibaldi recebeu o diretor-geral da Polícia Federal (PF), Luiz Fernando Corrêa, e outros três delegados federais. Em seguida, o presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), recebeu em seu gabinete o diretor da PF.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG