Meirelles deixa reunião com Lula sem confirmar filiação

BRASÍLIA ¿ O presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles, evitou falar à imprensa após reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Centro Cultural Banco do Brasil ¿ sede provisória do governo. Após conversa de cerca de 35 minutos, na qual era esperado que se tratasse de sua filiação ao PMDB, Meirelles deixou o prédio sem comentar o encontro.

Christian Baines, repórter em Brasília |

O diretório do partido em Goiás divulgou na semana passada a intenção do presidente do BC em se ligar à legenda, mas o presidente do BC ainda não confirmou. Como o prazo determinado pelo Tribunal Superior Tribunal para se filiar a algum partido expira no sábado, dia 3 de outubro, a expectativa é que Meirelles anuncie sua decisão nos próximos dias.

Na manhã desta terça-feira, durante seminário promovido por empresários, ele confirmou que existe a possibilidade de se candidatar nas próximas eleições. No entanto, destacou que caso se filie a algum partido, isso não significa necessariamente que vá concorrer a algum cargo.

Ele afirmou ainda que a decisão de eventual candidatura será tomada até o fim do mês de março do ano que vem. "Não tenho decisão de ser candidato a nenhum cargo hoje, nem vou tomar essa decisão nos próximos meses", disse na ocasiao.

Nesta terça-feira, o presidente Lula cancelou reunião para o Rio de Janeiro - onde participaria de jantar com o comitê executivo da Fifa - para tratar de pendências administrativas em Brasília, entre elas a filiação de Meirelles.

Leia mais sobre: Meirelles

    Leia tudo sobre: eleiçõeseleições 2010meirellespmdb

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG