As decolagens do Aeroporto Santos Dumont, no centro do Rio de Janeiro, para Congonhas, na zona sul de São Paulo, ficaram suspensas entre 9h33 e 9h45, porque os pousos no terminal paulista estão sendo realizados por instrumentos - quando o piloto necessita de equipamentos especiais para alinhar a aeronave com a pista - desde as 6 horas em razão do mau tempo. A suspensão por questões de segurança causou atrasos em 60,9% dos voos programados para a manhã de hoje no Santos Dumont.

Até as 12 horas, 39 das 64 operações previstas atrasaram e quatro foram canceladas (6,3%), segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) do Rio. Em Congonhas, 52 dos 92 voos programados até as 12 horas atrasaram (56,5%) e dois foram cancelados (2,2%).

Já no Aeroporto Internacional de São Paulo (Cumbica), em Guarulhos, na Grande capital paulista, das 95 operações previstas, 27 atrasaram (29,7%) e quatro foram suspensas (4,3%). Em todo o País, 309 dos 989 voos programados atrasaram (31.2%) e 23 foram cancelados (2.3%).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.