Manifestantes assam carne em buraco de rodovia no Rio Grande do Sul

Um grupo formado por políticos, empresários e moradores de Lagoa Vermelha e Sananduva montou churrasqueiras e assou carne dentro dos buracos da RS-126, na divisa dos dois municípios do norte do Rio Grande do Sul, nesta sexta-feira, para protestar contra as condições da rodovia. O tráfego ficou interrompido das 10 horas às 14 horas.

Agência Estado |

Durante o período, os manifestantes assaram dois suínos inteiros, costelas bovinas e pedaços de ovelha que chegaram a oferecer a alguns motoristas forçados a parar. Os participantes do ato disseram que os buracos de até cinco metros de diâmetro, alguns com profundidade de meio metro, forçam os caminhoneiros a passar pelo local em velocidades inferiores a dez quilômetros por hora.

O Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (Daer) informou que as obras de recuperação da rodovia começam até o final deste ano.

    Leia tudo sobre: rio grande do sul

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG