Manifestantes acampam em frente de hidrelétrica no PR

Um grupo de integrantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) e da Via Campesina acampou hoje às margens da Rodovia BR-158, em frente à Usina Hidrelétrica de Salto Santiago, em Saudade do Iguaçu, no sudoeste do Paraná, a cerca de 410 quilômetros de Curitiba. Segundo os organizadores do ato, havia cerca de 300 manifestantes no local, enquanto a Polícia Militar (PM) calculou entre 60 e 80.

Agência Estado |

A PM informou que a situação estava tranqüila. "Eles não falam de onde são ou porque estão lá", disse um policial.

Não foi possível contato com os líderes do MAB e da Via Campesina na região por telefone celular. Numa nota, a Via Campesina afirmou que o protesto naquela localidade é contra a empresa de energia franco-belga Suez Tractebel, proprietária da usina. Eles protestam também contra uma lei que impede agricultores de viverem a menos de cem metros da mata ciliar no entorno da barragem. A assessoria da Suez Tractebel, em Florianópolis, estava em reunião hoje e não respondeu aos telefonemas da reportagem.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG