Mais de 27 milhões de eleitores voltam às urnas hoje

Mais de 27 milhões de brasileiros devem voltar às urnas hoje para eleger seus prefeitos e vice-prefeitos. São 30 municípios com segundo turno, além de uma cidade no Maranhão, onde a votação do primeiro turno será refeita.

Agência Estado |

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acredita que os resultados poderão ser conhecidos às 20 horas.

Os grandes favoritos para o segundo turno são o PT e PMDB. Cada um lidera as pesquisas de intenção de votos em sete cidades - o PT está na disputa em 16 delas e o PMDB, em 12. O embate entre os dois partidos é direto em três municípios: Porto Alegre, Salvador e Anápolis.

São 11 capitais onde os eleitores votam novamente: Belém, Belo Horizonte, Cuiabá, Florianópolis, Macapá, Manaus, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador, São Luís e São Paulo. Os demais municípios onde haverá segundo turno são Anápolis (GO), Bauru (SP), Campina Grande (PB), Campos dos Goytacazes (RJ), Canoas (RS), Contagem (MG), Guarulhos (SP), Joinville (SC), Juiz de Fora (MG), Londrina (PR), Mauá (SP), Montes Claros (MG), Pelotas (RS), Petrópolis (RJ), Ponta Grossa (PR), São José do Rio Preto (SP), Santo André (SP), São Bernardo do Campo (SP) e Vila Velha (ES).

O caso de Benedito Leite, no Maranhão, é especial. A votação do primeiro turno na cidade foi anulada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) por causa de atos de violência e vandalismo, com urnas queimadas. A cidade maranhense é uma das quatro que contarão com reforço de forças federais. Além dela, o TSE decidiu enviar tropas federais para Manaus, Belém e Campina Grande.

O TSE prevê a utilização de mais de 77 mil urnas eletrônicas hoje e quase 429 mil mesários atuando. Apenas em São Paulo, maior colégio eleitoral do País, serão 153.856 mesários. O tribunal calcula que o eleitor deverá gastar, em média, 20 segundos para votar. O TSE também espera um baixo índice de abstenção na segunda etapa da eleição. Na primeira fase, esse número chegou a 14,54% dos eleitorados em todo o Brasil.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG