Maggi anuncia que deixará governo do MT em 3 de abril

O governador de Mato Grosso, Blairo Maggi (PR), oficializou sua saída do cargo para disputar a uma vaga no Senado Federal em 2010. A decisão foi anunciada ontem durante reunião com o seu secretariado.

Agência Estado |

Maggi deixa o governo no último prazo estabelecido pela legislação eleitoral para descompatibilização, 3 de abril, seis meses antes do primeiro turno. O vice governador, Silval Barbosa (PMDB), assumirá, então, o cargo de governador.

Durante a reunião, foi anunciado o início de encaminhamentos necessários para que os projetos sejam concluídos até 31 de março. Foram confirmadas a continuidade do asfaltamento de estradas estaduais e programas de qualificação social e de habitação, além da qualificação profissional no Estado. Alguns secretários anunciaram que disputarão cargos na Câmara Federal ou na Assembleia Legislativa. Porém, todos os secretários deverão ser exonerados para que o futuro governador nomeie sua equipe.

A expectativa é que as metas de governo estadual continuem as mesmas. "Silval vai dar continuidade para que todas sejam cumpridas dentro dos prazos estabelecidos", disse o secretário-chefe da Casa Civil e de Comunicação Social, Eumar Novacki, citando o programa de investimento na segurança pública (segurança cidadã) e o de recuperação das estradas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG