Mãe é suspeita de ter matado filha no Rio

RIO DE JANEIRO - Uma mãe é suspeita de ter matado a própria filha, na madrugada desta segunda-feira, durante uma discussão em São João de Meriti, na Baixada Fluminense.

Redação |

De acordo com a 64ª DP (Vilar dos Teles), onde a ocorrência foi registrada, a mãe teria empurrado a filha, identificada como Cátia Regina Correia Gil, de 33 anos, que se desequilibrou, bateu com a cabeça em uma quina e acabou morrendo em decorrência dos ferimentos.

O corpo vítima deu entrada no Posto de Atendimento Médico de São João de Meriti como remoção de cadáver e não como em decorrência de um assassinato. De acordo com a polícia, a mãe, cujo nome não foi divulgado, tem problemas mentais e realizará avaliação psiquiátrica.

Testemunhas e familiares de Cátia vão prestar depoimento sobre o caso nesta segunda-feira. O crime ocorreu na Rua Campos, número 74, quadra 14, no bairro de Jardim Botânico, em Vilar dos Teles.

Se comprovado o crime, a suspeita pode responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Leia mais sobre: violência

    Leia tudo sobre: violência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG