Mãe é suspeita de jogar bebê pela janela em Minas Gerais

MATOZINHOS - Uma mulher de 33 anos é suspeita de ter jogado a filha, de apenas oito dias, da janela de um abrigo localizado no bairro São Miguel, em Matozinhos, Minas Gerais. A criança caiu de uma altura de cerca de dois metros, na tarde de terça-feira, e está internada em observação.

Redação |

Segundo informações da Polícia Militar, uma funcionária da Associação Filhos e Filhos dos Céus viu, por volta das 16h15, a menina caída na área de passeio, logo abaixo a janela, e acionou a PM.

Os próprios funcionários do abrigo encaminharam a menina, que ainda não foi registrada, ao pronto-socorro da cidade de Pedro Leopoldo, onde ela recebeu os primeiros atendimentos.

Em seguida, a criança foi levada ao Hospital João 23 para a realização de exames. Ela teve ferimentos na boca e está em observação. Segundo o hospital, seu estado é estável.

A associação funciona como um abrigo para crianças em situações de risco e mulheres carentes. Uma assistente do local teria afirmado à polícia que a mãe, identificada como Kelly Pereira Costa, de 33 anos, não demonstrou sinal de preocupação ao ver a filha machucada. Ela disse ainda que a criança já havia sido encontrada duas vezes embaixo da cama da mãe.

A Polícia Militar informou que Kelly está presa na delegacia de Pedro Leopoldo, mas nega que jogou a filha. Uma criança do abrigo, porém, afirmou ter visto o momento do incidente.

O Conselho Tutelar de Sete Lagoas acompanha o caso.

Leia mais sobre: queda

    Leia tudo sobre: minas geraisqueda

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG