Mãe diz que teve bebê roubado em hospital do Recife

A polícia investiga a denúncia de que um bebê de um mês foi roubado ontem no pátio do Instituto Materno Infantil de Pernambuco (Imip), no Recife. Em depoimento na Gerência de Proteção à Criança e ao Adolescente (GPCA), a mãe da criança, Hilda Maria de Souza Lima, contou aguardava a consulta do filho quando uma mulher lhe ofereceu um lanche e se dispôs a segurar o bebê enquanto ela comia.

Agência Estado |

Hilda supõe que havia algo no refrigerante, que tinha gosto estranho e a fez dormir por cerca de três horas. Quando acordou não encontrou a mulher nem o bebê.

O Imip não descarta a possibilidade de que a mãe tenha dado o filho. Em nota, o instituto informou que Hilda, que é do município de Bom Jardim, no agreste pernambucano, só denunciou o fato à segurança do Imip três horas depois de ter percebido o desaparecimento do filho e, em entrevista ao serviço social da entidade, não demonstrou nervosismo e relatou que já havia dado três filhos anteriormente.

Este é o terceiro caso de suspeita de desaparecimento de criança nas dependências do Imip nos últimos 11 meses. O instituto assume a responsabilidade pelos dois outros casos e fez alerta às mães, na época, para não entregar suas crianças a pessoas desconhecidas. Embora tenha determinado reforço no controle da saída do local, neste episódio, o Imip informou que a criança não estava internada e veio para uma consulta. Diariamente oito mil pessoas circulam no local. A mãe do bebê supostamente roubado não foi localizada pela reportagem.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG