Madrasta é suspeita de tentar matar enteado de seis anos no interior de SP

SÃO PAULO - Um menino de seis anos, portador de deficiência, foi agredido com golpes de martelo na cabeça no domingo na cidade de Itu, interior de São Paulo. A madrasta da criança é a principal suspeita do crime, segundo a polícia.

Agência Estado |

O menino sofreu traumatismo craniano e permanece internado, em estado grave, em um hospital da cidade.

De acordo com a Polícia Civil, a criança estava dormindo quando a madrasta o atacou. Depois de golpeá-lo, o enrolou em um edredom e levou até o quintal. Depois, pediu ajuda a vizinhos, alegando que tinha sido vítima de um assalto.

O pai do menino, com quem ela vive e tem um filho de um ano, estava viajando.

A versão de que um casal entrou na casa e agrediu seu enteado foi desmontada pelos policiais. A mulher, que não teve o nome divulgado, foi presa em flagrante e levada para a Cadeia Feminina de Votorantim. Ela vai responder pelo crime de tentativa de homicídio.

Leia mais sobre: tentativa de homicídio

    Leia tudo sobre: enteadotentativa de homicidio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG