Homem de 36 anos sequestra ex-namorada de 17 no Maranhão

Segundo a polícia, ele abordou a garota na saída da escola, apontou o revólver para a cabeça dela e a colocou dentro do carro

Wilson Lima, iG Maranhão |

Um homem de 36 anos sequestrou uma estudante de 17 anos na manhã desta sexta-feira, em São Luís, quando ela saía da escola. A adolescente estudava no Centro de Ensino Médio Manoel Beckman, em São Luís. A polícia ainda busca pistas do paradeiro do homem e da adolescente.

Análise: Não há limites para a violência contra a mulher

Segundo informações da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) e da direção da escola, o homem manteve um relacionamento com a jovem há aproximadamente um ano. Hoje, eles estão separados. Na manhã desta sexta-feira, o homem chegou à rua da escola em um veículo Gol, de cor preta, e encontrou a jovem com colegas. O sequestro aconteceu a 50 metros do colégio. Ele apontou o revólver para a cabeça da jovem e a levou no veículo. Pelo menos outros 15 alunos da escola viram a cena, pelas informações da Polícia Civil.

Iniciativas contra a violência: Os cinco anos da lei Maria da Penha

A Polícia Civil iniciou as buscas na residência deste homem, identificado como Benedito Silva, no início da tarde desta sexta-feira. Ele mora em um condomínio de classe média no bairro Turu e, pelas informações de testemunhas, cursa o 7º período do curso de Direito de uma faculdade privada de São Luís. A Polícia Civil pediu ajuda de homens do Batalhão de Choque que conseguiram entrar no apartamento, mas ele não foi encontrado. Agora as buscas ocorrerão em hotéis e motéis de São Luís.

Existe também a possibilidade de ele ter levado a jovem para o interior do Maranhão, já que ele é natural da cidade de Codó, distante cerca de 290 quilômetros de São Luís. Policiais Civis que investigam o caso afirmam que o homem de 36 anos pode ser indicado pelos crimes de sequestro e porte ilegal de arma.

Conheça casos famosos de violência contra a mulher :

- Caso Lindomar Castilho : cantor matou a ex-mulher com um tiro em 1981. Sete anos depois, saiu da prisão em liberdade condicional

- Caso Daniella Perez : atriz foi assassinada a golpes de tesoura. Guilherme de Pádua e Paula Thomaz, condenados pelo crime, estão soltos

- Caso Pimenta Neves : jornalista foi condenado a 15 anos de prisão por matar a ex-namorada e também jornalista Sandra Gomide em 2000

- Caso Mércia Nakashima : advogada foi morta em maio de 2010. Ex-namorado Mizael Bispo é acusado do crime. Ele está foragido

- Caso Goleiro Bruno : ex-goleiro Bruno Fernandes é acusado de mandar matar Eliza Samúdio, com quem teve um filho. Ele está preso em Contagem (MG)

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG