Jornalista Décio Sá foi assassinado em um restaurante da avenida Litorânea, na capital maranhense, em abril deste ano

Composição fotográfica do suspeito de ter baleado o jornalista em São Luís
Divulgação
Composição fotográfica do suspeito de ter baleado o jornalista em São Luís
A polícia do Maranhão divulgou nesta quinta-feira o retrato falado do suspeito de  assassinar o jornalista Décio Sá , em São Luís, em 23 de abril. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado, a demora na divulgação da imagem foi por conta de várias testemunhas terem dado informações conflitantes sobre o assassino.

O crime: Jornalista é vítima de crime de encomenda em São Luís
Repercussão: Entidades condenam assassinato de jornalista no Maranhão

Medo: Jornalistas dizem ter medo e revelam novas ameaças no Maranhão

De acordo com o delegado Guilherme Filho, que investiga o caso, o assassino do jornalista não cobriu o rosto e o retrato foi baseado no depoimento das testemunhas.

Pelas informações divulgadas pela polícia, o suspeito é um homem forte, de aproximadamente 28 anos e 1,70m, de cabelos escuros e lisos e olhos escuros.

Embora a ideia de execução seja a mais forte,  nenhuma hipótese está sendo descartada pela polícia e o blog mantido pelo jornalista desde 2006 é uma das peças mais importantes da investigação. Duas pessoas foram presas durante a investigação, mas uma delas foi liberada.

O jornalista Décio Sá foi assassinado em um restaurante da avenida Litorânea, na capital maranhense. Além do Blog do Décio, um dos mais acessados do estado, o jornalista era repórter da editoria de política de O Estado do Maranhão, pertencente à família do presidente do Senado, José Sarney.

Leia também:  Brasil perde 41 posições no ranking da liberdade de imprensa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.