Luxemburgo diz que árbitro teve influência em goleada

O técnico Vanderlei Luxemburgo atribuiu à arbitragem de Leonardo Gaciba a derrota por 5 a 2 para o Flamengo, pela 35ª rodada do Brasileirão. Para ele, o juiz teve interferência no resultado ao validar o segundo gol do Flamengo, quando a partida estava empatada por 1 a 1.

Agência Estado |

"Acho que o Gaciba teve uma interferência muito grande no resultado, em função do segundo do Flamengo, que foi totalmente irregular. A cobrança foi a oito metros do local da marcação, onde tinha sido a falta, e ele deixou seguir, com a minha equipe totalmente desorganizada. Achei que ali fez a diferença", afirmou o técnico.

No lance, a defesa do Palmeiras parou e Obina cobrou a falta rapidamente, fora do lugar marcado, para Fábio Luciano. Na seqüência do lance, o zagueiro tocou para Marcelinho Paraíba, que passou para Ibson marcar o primeiro de seus três gols na partida.

"Nós estávamos, naquele momento ali, com um controle da situação. Saímos atrás, controlamos a situação, e aí vai e sai um gol irregular, da maneira como saiu e com a interferência direta do árbitro, aí fez a diferença", reclamou Luxemburgo.

Com a derrota, o Palmeiras caiu para a quinta posição no Brasileiro, e continua com 61 pontos. O Flamengo, com 63, ocupa o terceiro lugar na tabela, a cinco do líder São Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG