A luva branca e brilhante que Michael Jackson usou quando lançou o passo moonwalk em 1983, foi leiloada por US$ 350 mil. O lance vencedor foi dado por Hoffman Ma, de Hong Kong.

A luva de golfe modificada e cravejada de brilhantes falsos foi usada por Michael em sua mão esquerda durante sua apresentação no especial de tevê em comemoração aos 25 anos da gravadora Motown.

A luva era o principal item de uma coleção de objetos que pertenceram a Jackson e, antes do leilão, seu valor era estimado entre US$ 40 mil e US$ 60 mil. "Foi um desconto razoavelmente bom", disse Ma, um fã de 36 anos que comprou o tesouro do astro do pop em nome do Ponte 16 Resort Hotel, de Macau.

À medida que o preço da luva disparava, os fãs urravam e gritavam - repetindo o tipo de frenesi que acompanhava o pop star quando excursionava pelo mundo. O ícone do pop, que morreu em 25 de junho aos 50 anos, tinha dado a luva para Walter "Clyde" Orange, do grupo The Commodores.

A venda, realizada pela Julien's Auctions, também incluiu o chapéu de feltro que Jackson usou para o "moonwalk". A peça foi vendida por US$ 22 mil, contra um valor estimado de US$ 2 mil.

Uma jaqueta que Jackson usou na turnê "Bad", de 1989, faturou US$ 225 mil - 20 vezes mais que o mínimo estimado de US$ 8 mil. As peças ligadas a Michael Jackson dominaram o leilão batizado de "Ícones da Música", com mais de 300 itens que pertenceram a estrelas como Elvis Presley, os Beatles e Mariah Carey. As roupas e instrumentos dos músicos lotaram o pequeno palco do Hard Rock Cafe em Times Square (Nova York), com duas fotos gigantes de Jackson em cada lado e uma imensa foto de sua luva no centro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.