Lula se mostra preocupado com avanço do crack

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva posicionou-se hoje, durante entrevista à rádio evangélica Melodia FM, com sede no Rio de Janeiro, contra a legalização das drogas. Na opinião dele, não consta que a descriminalização de entorpecentes acabe com o tráfico ou diminua o consumo.

Agência Estado |

O presidente mostrou-se ainda preocupado com o aumento do uso do crack por jovens e adolescentes. "Eu nunca vi tanta gente se queixando dos efeitos do crack como tenho visto atualmente quando converso com os prefeitos", disse.

O presidente antecipou ainda que pediu ao chefe de Gabinete da Presidência, Gilberto Carvalho, para organizar um seminário nacional que discuta a questão do crack e seus efeitos nocivos na juventude brasileira. "Essa discussão séria contará com a presença de educadores e pais. Vamos começar um grande debate", informou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG