Lula pede minuto de silêncio pelas vítimas de SC

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu hoje, ao final da abertura da 1ª Conferência Nacional da Aprendizagem Profissional, em Brasília, um minuto de silêncio pelos mortos em razão das chuvas em Santa Catarina. Ele disse que o país acompanha com tristeza as notícias das mais de 50 pessoas que já morreram no Estado.

Agência Estado |

Lula informou que já mandou o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, para a região e que, amanhã, irão os ministros dos Transportes, Alfredo Nascimento, e o chefe do Gabinete da Segurança Institucional, Jorge Félix.

Em seu discurso na abertura do evento, Lula afirmou que o jovem brasileiro é muito criativo. "É o povo mais criativo e mais esperto que a média", afirmou ele, ao informar que a meta é, até 2010, inserir no mercado como aprendizes 800 mil jovens. "E quando menos se esperar vai diminuir a criminalidade, a violência e o número de jovens mortos. Vai diminuir porque eles vão poder estudar, trabalhar", disse o presidente.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG