O presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou neste domingo a morte de Rosani Cunha, secretária Nacional de Renda da Cidadania do Brasil, do Ministério do Desenvolvimento Social de Combate à Fome. Rosani morreu na noite de ontem em um acidente de carro, em uma cidade a 230 km de Buenos Aires, na Argentina.

"A morte da companheira Rosani Cunha deixou-me consternado. Lastimo as circunstâncias trágicas em que ocorreu e a perda de uma servidora pública competente e dedicada, que há quatro anos fazia um trabalho admirável na gestão do Bolsa Família, importantíssimo para os brasileiros mais necessitados. Minhas sinceras homenagens a seus familiares, amigos e ao ministro Patrus Ananias", afirma o presidente em nota divulgada à imprensa.

Rosani Cunha era especialista em administração pública e foi nomeada pelo ministro Patrus Ananias, em dezembro de 2004, Secretária de Renda e Cidadania do Ministério de Desenvolvimento Social. Desde então ela era responsável pela gestão do programa Bolsa Família.

Nesta segunda-feira Cunha faria uma palestra, em Buenos Aires, sobre "Aprendizagem sobre como coordenar o acionar estatal, sindical e empresarial na proteção social no Brasil", no seminário "Diálogos de Proteção Social", organizado pelo Centro de Implementação de Políticas Públicas (Cippec).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.