Lula inaugura obra pronta há cinco meses em Petrópolis

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva inaugurou hoje o Centro de Ensino Tecnológico (Cefet) de Petrópolis, obra pronta há cerca de cinco meses. O Centro funciona desde o início de agosto, quando começaram as aulas, e já foi visitado e havia sido inaugurado informalmente pelo governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB).

Agência Estado |

A comitiva da presidência da República pediu aos fiscais da Justiça Eleitoral para que todos os militantes do candidato do PSB à prefeitura de Petrópolis, Ronaldo Medeiros, retirassem seus broches, adesivos e camisetas com a propaganda do socialista.

Os fiscais do Tribunal Regional Eleitoral fizeram, no entanto, "vista grossa" para o material de propaganda do candidato do PT à prefeitura de Petrópolis, Saulo Munstrange, segundo lugar nas pesquisas de intenção de voto, atrás de Medeiros. Os aliados do petista puderam circular livremente pelo evento. Os fiscais da Justiça Eleitoral também deixaram uma faixa enorme com a propaganda para o petista. O presidente da Câmara de Vereadores, Luiz Fernando Rocha, do PSB, chegou a ser barrado na cerimônia pelos fiscais do TRE, mas acabou sendo liberado e podendo entrar no evento.

"Isso é absurdo; é perseguição política. Estão privilegiando o candidato do PT", reclamou a presidente do PSB local, Rosangela Stumf. Ela argumentou que nacionalmente o PT e o PSB são coligados e que os socialistas ocupam, inclusive, o Ministério da Ciência e Tecnologia. Com cinco candidatos disputando a prefeitura de Petrópolis, o evento de inauguração da Cefet acabou se transformando em uma guerra de bandeiras entre os militantes, que ficaram do lado de fora do Cefet.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG