BUENOS AIRES (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse na segunda-feira que vai eleger seu sucessor e que este pode ser uma mulher, em entrevista publicada em um jornal argentino. As próximas eleições presidenciais acontecem em 2010 e a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Roussef, parece ser a principal aposta de Lula.

'Com muita humildade, digo que vou eleger meu sucessor. Não posso dizer quem é, mas posso assegurar que há muitas possibilidades de que seja uma mulher', disse Lula ao jornal Clarín.

Lula mostrou confiança de que sua escolhida ganhará as eleições 'porque o Brasil estará muito bem em 2010. Tudo o que tem de acontecer em 2010, fora a política, já está programado'.

O projeto de Orçamento do Brasil para 2009 prevê um crescimento de cerca de 4,5 por cento para o PIB. Boa parte das expectativas econômicas do país se concentram nas jazidas de petróleo encontradas recentemente pela Petrobras .

Atualmente, há duas presidentes mulheres na América do Sul: a chilena Michlle Bachelet e a argentina Cristina Kirchner.

(Por César Illiano)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.