Lula diz que Plano de Defesa será lançado nesta semana

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmou para o dia 11, quinta-feira, a reunião do Conselho de Defesa, quando será apresentado, pelo ministro Nelson Jobim, o Plano Nacional de Defesa. No discurso numa reunião de cumprimentos de final de ano aos militares, Lula disse que o Brasil é líder na região e fará com que o plano permita que o conjunto do governo veja as Forças Armadas como uma peça extremamente importante para que o Brasil continue sendo um exemplo de paz, de concórdia e um exemplo de país em desenvolvimento na América do Sul.

Agência Estado |

"Conseguimos unanimidade para construir um conselho de defesa na América do Sul e estamos trabalhando seriamente para criar uma unidade na América do Sul, através da Unasul (União das Nações Sul-Americanas), e estamos trabalhando como nunca para que o Brasil jogue o seu papel, como maior economia, como maior nação da América do Sul, na política de solidariedade para ajudar os países vizinhos a se desenvolverem", disse.

Lula falou que está sendo possível lançar o Plano de Defesa, que prevê o reequipamento das Forças, agora, porque a situação econômica do País é muito melhor. "Aprendemos desde pequenos que, em casa que não tem pão, todo mundo briga e ninguém tem razão", comentou o presidente.

Com o discurso, Lula deu uma satisfação aos militares que têm se queixado por causa do atraso no reequipamento. O presidente Lula disse que o novo Plano de Defesa "norteará a reestrutura do reequipamento das forças", sem entrar em detalhes, no entanto, do que será renovado ou a partir de quando.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG