BRASÍLIA - O ministro das Relações Institucionais, José Múcio, informou nesta quarta-feira que o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, receberá no final da tarde de hoje líderes de partidos do Senado Federal para discutir a sucessão na Casa.

Acordo Ortográfico

O tema tem sido discutido nos corredores do Congresso Nacional. O PMDB demonstra a intenção de comandar a Câmara e o Senado simultaneamente, por ter a maior bancada nas duas Casas. A idéia contraria a prática de alternância com o PT, que detém a segunda maior bancada.

Na Câmara, existe um acordo formal entre os dois partidos para que o PMDB assuma a presidência nos próximos dois anos. Atualmente, o petista Arlindo Chinaglia dirige os trabalhos. A previsão era de que, no Senado, houvesse acordo em torno de um petista para o lugar do senador Garibaldi Alves Filho, do PMDB.

O presidente do Senado tem a atribuição de definir projetos que estarão na pauta das sessões deliberativas e de convocar e presidir as sessões do Senado e as sessões conjuntas do Congresso Nacional, entre outras.

*Com informações de Carollina Andrade, da Santafé Idéias

Leia mais sobre: Senado


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.