BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu nesta quinta-feira a redução dos preços dos combustíveis cobrados no país. Nós precisamos reduzir, todo mundo sabe disso, a Petrobras sabe disso. Mas precisamos compatibilizar o que irá acontecer com os Estados, que nessa época de crise perderão muito ICMS, afirmou o presidente a jornalistas depois de participar de solenidade de promoção de oficiais das Forças Armadas em Brasília.

"Então, nós não podemos calçar um santo e descalçar o outro. Precisamos, mesmo que seja um sapato mais humilde, dar um sapato para cada um para que todo mundo possa calçar", completou.

(Por Fernando Exman)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.