Lula contesta críticos do inchaço da máquina pública

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou hoje que a excelência dos serviços prestados pelo governo depende de contratação de mão-de-obra. Ele deu como exemplo o ingresso de cinco mil peritos na Previdência Social.

Agência Estado |

"Depois falam do inchaço do governo. As pessoas que reclamam do inchaço da máquina são aquelas que preferem que façamos inchaço das filas", afirmou.

Lula salientou que 400 agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foram inauguradas recentemente e que 320 estão em construção. O presidente alegou que haverá necessidade de contratar mais pessoas para o atendimento nessas novas unidades. "Computador é ótimo, mas não fala bom dia para as pessoas", disse.

Segundo ele, graças à modernização da Previdência e à contratação de profissionais é que houve celeridade nos processos de aposentadoria e perícia médica do INSS. "Esse Pimentel (José Pimentel, ministro da Previdência que deixa o cargo hoje) conseguiu mexer com uma coisa séria: nunca mais vimos manchete de jornal falando da fila do INSS", comentou o presidente, durante cerimônia de posse dos novos chefes dos ministérios.

Lula citou trabalhos desempenhados por Pimentel à frente da pasta e lembrou que, quando ele assumiu o cargo, recomendado pelo ex-ministro Luiz Marinho, indicou que ficaria até o final do governo. "Agora, ele vem dizer que as bases o estão chamando."

De qualquer forma, Lula contou que está feliz com o trabalho de Pimentel, já que o agora ex-titular da Previdência havia dado a garantia de que, a partir "de tal data", todos os trabalhadores com carteira assinada não precisariam mais apresentar documentos ao INSS para se aposentar, porque o governo passaria a comunicar as pessoas habilitadas para a aposentadoria em suas casas.

Além disso, Lula ressaltou que, quando há necessidade do potencial aposentado ir até o INSS, em meia hora ele consegue resolver sua situação. "Quero agradecer, Pimentel, a revolução que você fez na Previdência", disse.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG