vandalismo ação do MST em fazenda de SP - Brasil - iG" /

Lula classifica de vandalismo ação do MST em fazenda de SP

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva condenou nesta sexta-feira a ação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em uma fazenda no interior de São Paulo, e classificou o ato como cena de vandalismo. Todo mundo sabe que eu sou um defensor das lutas sociais neste país... entre uma manifestação reivindicando alguma coisa e aquela cena de vandalismo feita na televisão, obviamente que não posso concordar com aquilo, disse o presidente em evento no Itamaraty.

Reuters |

A fazenda Santo Henrique, em Borebi, foi invadida por cerca de 250 famílias do MST em 28 de setembro e desocupada na última quarta-feira, após determinação judicial. A saída foi pacífica, mas a fazenda mostrava sinais de depredação.

Os integrantes do movimento foram acusados de destruir milhares de pés de laranja, além de danificar equipamentos.

"Este país tem lei e Constituição... quem não estiver (de acordo) pagará o preço", declarou Lula.

A Polícia Civil de Borebi abriu inquérito para investigar a ação na fazenda, de propriedade da empresa Cutrale, maior produtora de suco de laranja do país.

(Reportagem de Natuza Nery)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG