Lucro da Lojas Renner sobe para R$ 47,8 mi no trimestre

A Lojas Renner registrou lucro líquido de R$ 47,8 milhões no segundo trimestre deste ano, o que representou um crescimento de 9,8% na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo balanço divulgado hoje. No período, a receita líquida das vendas de mercadorias teve incremento de 8,7%, na mesma base de comparação, totalizando R$ 554,7 milhões.

Agência Estado |

A geração de caixa, medida pelo Ebitda, atingiu R$ 98,8 milhões, com alta de 13,5% e margem de 17,8%, ante 17,1% do mesmo intervalo do ano passado. As vendas nas lojas com mais de um ano de funcionamento (conceito mesmas lojas) subiram 2,1% de abril a junho de 2009 sobre iguais meses de 2008.

Segundo a empresa, o Dia das Mães e o Dia dos Namorados repercutiram positivamente no desempenho do segundo trimestre. As baixas temperaturas foram outro fator que contribuiu para impulsionar as vendas, sem a necessidade de remarcações significativas de preços. A margem bruta da operação de varejo alcançou 47,3% no segundo trimestre, ante 47,5% de igual período do ano passado.

A Lojas Renner informou que realizou no segundo trimestre um ajuste nas faixas de preços, no nível de estoque e no mix de produtos, prevendo a adequação dos negócios para uma demanda mais conservadora.

O Cartão Renner foi responsável por 61,5% das vendas realizadas no segundo trimestre deste ano, ante 64,6% no mesmo período do ano anterior. "A participação menor deve-se a maior quantidade de novos clientes, que em um primeiro momento optam por outras formas de pagamento", destacou a empresa.

O tíquete médio das vendas efetuadas no cartão passou para R$ 128,53 no período de abril a junho, ante R$ 117,30 do segundo trimestre do ano passado, equivalente a uma alta de 9,6%. O resultado dos serviços financeiros foi de R$ 17 milhões no período, um crescimento de 6,4%, na mesma base de comparação.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG