O verão de Londres tem tudo para se tornar tropical neste ano. De junho a setembro, o Festival Brazil trará grandes nomes da cultura brasileira e da Tropicália, como Gilberto Gil, Maria Bethânia, Os Mutantes e Tom Zé.

O palco será o centro cultural Southbank Centre e seus arredores, com uma série de shows, exposições e atividades. "Talvez o país mais festivo do mundo, o Brasil vive seu futuro agora", afirmou a diretora artística do Southbank Centre, Jude Kelly, ao justificar a programação deste ano. À beira do rio Tâmisa, o local ganha vida durante o verão, quando os londrinos aproveitam os valorizados dias ao ar livre.

O festival irá abranger diversas áreas da cultura nacional. Na música, Maria Bethânia fará, no dia 17 de julho, uma apresentação considerada rara, no Royal Festival Hall. No dia seguinte, o palco será ocupado por Os Mutantes e Tom Zé. No dia 21 de julho, será a vez de Gilberto Gil retornar a Londres, após sua apresentação no ano passado. Com espetáculos e oficinas de percussão, o AfroReggae também estará presente. Os irmãos Campana, artistas plásticos e designers, criarão uma instalação tecida em ráfia, que será montada pela comunidade local. As instalações de Ernesto Neto também irão marcar o ambiente.

O London Literature Festival terá a presença de brasileiros este ano, como parte do evento: o ex-jogador de futebol Sócrates, o escritor Milton Hatoum, o músico Arnaldo Antunes e os contadores de histórias em quadrinhos Fábio Moon e Gabriel Bá. O festival contará ainda com comida típica, dança de salão, capoeira, futebol e oficinas de fantasias de carnaval.

Para a noite do dia 11 de julho, final da Copa do Mundo, a diretora do Southbank conta que não foi programado nenhum evento. "Queremos assistir à final entre Brasil e Inglaterra", disse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.