Lobão ao iG: 'Vamos pesquisar as causas para tomar providências'

Ministro de Minas e Energia fala ao iG sobre primeiras atitudes que o governo vai tomar sobre o apagão no Nordeste

Andréia Sadi, iG Brasília |

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse ao iG pelo telefone, na manhã desta sexta-feira (4), que o governo está neste momento pesquisando os motivos que ocasionaram o blecaute no Nordeste para então tomar providências. O blecaute aconteceu na nesta madrugada e deixou os Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe às escuras. Piauí teria sido parcialmente atingido. O único que, segundo a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), não teria sido afetado pela pane foi o Maranhão. Acompanhe a entrevista:

iG
: Em 2009 o governo passou por um apagão no Sudeste, este é o segundo em pouco mais de um ano. Como o governo está vendo isso e quais medidas vai tomar?
Edison Lobão: Foi uma interrupção temporária causada por uma subestação, a de São Luiz Gonzaga. Foi prontamente estabelecida e agora estamos pesquisando as causas para tomar as devidas providências.

iG: Que medida o governo vai tomar?
Lobão: Na segunda-feira, dia 7, vamos fazer uma reunião com todos os agentes e chegar a uma conclusão.

iG: Quais agentes?
Lobão: Serão convocados Chesf, ONS, sobretudo, Aneel, as transmissoras.

iG : Governadores serão chamados para a reunião?
Lobão: Não, os governadores não fazem parte deste processo.

    Leia tudo sobre: blecautenordeste

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG