Livro em HQ conta expedição de Darwin pelo Brasil

Foi a partir dos estudos do naturalista Charles Darwin (1809-1882) que o mundo mudou sua concepção de origem. Há 200 anos, nascia o cientista considerado hoje o pai da biologia moderna, responsável pela teoria da evolução das espécies.

Agência Estado |

Mas a figura sisuda e barbuda dos livros ganhou nova versão, colorida e jovem, do cartunista Flávio de Almeida, que celebra o bicentenário com o livro em quadrinhos "Darwin no Brasil" (Editora Vieira & Lent; 48 páginas, R$ 32).

"Muito se fala de sua viagem a Galápagos e os animais que ele descobriu lá. Mas muita gente não sabe que Darwin veio ao Brasil em uma expedição para conhecer nossas florestas e bichos", conta Flávio. A descoberta foi a centelha que o levou a escrever um livro que fugisse da aula de Ciências. "Não é nada professoral. Aqui, Darwin é um jovem cientista que fica deslumbrado com o que descobre pelo nosso País."

Mesmo sem se prender pela exatidão, o cartunista se debruçou sobre os diários de viagem do naturalista durante dois meses para revisitar o roteiro feito por Darwin em sua passagem pelo Brasil. "Ele esteve no interior do Rio de Janeiro, passou por Salvador e Recife e fez diversas anotações detalhadas sobre a fauna e a flora que encontrou", conta Flávio.

Em terras tupiniquins, Darwin aprende o significado de ‘saudade’, palavra exclusiva no nosso idioma. Na opinião do autor, saiu daqui a inspiração para seu maior tratado. "A teoria da evolução foi publicada pouco mais de duas décadas depois (1859). Acredito que tudo partiu daqui, das nossas florestas", diz Flávio de Almeida. Depois de Darwin, o autor planeja para o ano que vem o livro sobre outra celebridade da Ciência, o físico Albert Einstein. As informações são do Jornal da Tarde.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG